REDE CAXIAS TV: Apesar de decisão do TSE, Lula protagoniza horário eleitoral do PT Neste sábado (1º), primeiro dia de programa eleitoral na TV, candidatos à Presidência da República apresentaram suas propostas
RD25NOTÍCIAS

Total de visualizações de página

Apesar de decisão do TSE, Lula protagoniza horário eleitoral do PT Neste sábado (1º), primeiro dia de programa eleitoral na TV, candidatos à Presidência da República apresentaram suas propostas

TSE recua e autoriza PT a usar propaganda eleitoral, desde que Lula não apareça como candidato

Na madrugada deste sábado (1º), os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mudaram de ideia e decidiram autorizar o PT a usar o tempo de propaganda eleitoral para promover o candidato a vice-presidente, Fernando Haddad. De acordo com a decisão, o PT poderá usar o tempo de rádio e TV, desde que Lula não se apresente como candidato a presidente. Ao negar o registro da candidatura de Lula, condenado e preso em Curitiba, o ministro relator Luís Roberto Barroso afirmou que Lula não poderia utilizar o tempo da propaganda eleitoral, e que o partido teria 10 dias para substituir o ex-presidente na cabeça de chapa. 


No primeiro dia do programa eleitoral dos candidatos à Presidência da República, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que teve o registro de candidatura negado pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) na sexta-feira (31), apareceu no tempo destinado ao PT (Partido dos Trabalhos).

Apesar de não ter sido foi apresentado como candidato, Lula falou mais do que Fernando Haddad, que deve assumir a cabeça da chapa. Haddad narrou por 56 segundos e apareceu em 30 deles. Já Lula teve 44 segundos de exposição no programa de 2 minutos e 23 segundos. O ex-presidente apareceu em imagens de arquivo sem falas e também em um depoimento de 32 segundos que foi gravado antes da prisão. 

No entanto, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) determina que apoiadores e outros candidatos não podem dispor de mais de 25% do tempo de cada programa ou inserção. Além disso, proíbe montagens, trucagens, computação gráfica, desenhos animados e efeitos especiais. Lula, no caso, poderia aparecer apenas 35 segundos.

Porém, isso ainda não significa que existiu um desrespeito à decisão do TSE, já que o material foi entregue na sexta e ainda não houve tempo hábil para a troca dos vídeos.

FONTE: R7.COM


Nenhum comentário:

Postar um comentário