REDE CAXIAS TV: Uma briga por causa de ciúmes ocorrida dentro do Hospital municipal Moacyr do Carmo, na Rodovia Washington Luiz, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na noite desta terça-feira, terminou com um agente da Secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap) baleado. Fábio Leandro Neves Nunes, de 38 anos, foi atingido na da perna direita por um tiro disparado pelo policial militar Rafael Araújo Resende e Silva, de 37.
RD25NOTÍCIAS

Total de visualizações de página

Uma briga por causa de ciúmes ocorrida dentro do Hospital municipal Moacyr do Carmo, na Rodovia Washington Luiz, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na noite desta terça-feira, terminou com um agente da Secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap) baleado. Fábio Leandro Neves Nunes, de 38 anos, foi atingido na da perna direita por um tiro disparado pelo policial militar Rafael Araújo Resende e Silva, de 37.

O Hospital Moacyr do Carmo, em Duque de Caxias FOTO: GOOGLE STREET VIEW

Uma briga por causa de ciúmes ocorrida dentro do Hospital municipal Moacyr do Carmo, na Rodovia Washington Luiz, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, na noite desta terça-feira, terminou com um agente da Secretaria estadual de Administração Penitenciária (Seap) baleado. Fábio Leandro Neves Nunes, de 38 anos, foi atingido na da perna direita por um tiro disparado pelo policial militar Rafael Araújo Resende e Silva, de 37.

A confusão ocorreu por volta das 21h30. De acordo com o relato de Rafael, que estava de folga, a colegas de farda do 15º BPM (Duque de Caxias) — acionados para o local após os disparos — Fábio tentou invadir a sala no hospital onde ele estava. O motivo: o agente estaria com ciúmes de sua amante, que pouco antes havia estado com o PM.

O agente alegou que, após Fábio quebrar o vidro da divisória da sala, deu um tiro de advertência para o alto. O funcionário do hospital, porém, insistiu e conseguiu arrombar a porta do cômodo. Foi quando Rafael deu outro tiro e atingiu Fábio, que foi atendido no próprio Moacyr do Carmo. O PM, então, ligou para o batalhão de Duque de Caxias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário