REDE CAXIAS TV: Temer fica sem aposentadoria de procurador do estado de SP por não fazer 'prova de vida'
RD25NOTÍCIAS

Total de visualizações de página

Temer fica sem aposentadoria de procurador do estado de SP por não fazer 'prova de vida'

Segundo o Palácio do Planalto, presidente já tomou medidas para recadastramento. SPPrev informou que situação está sendo regularizada.



CONTEÚDO:G1





Presidente Michel Temer durante pronunciamento de Natal, quando defendeu a reforma da Previdência (Foto: Reprodução/NBR)Presidente Michel Temer durante pronunciamento de Natal, quando defendeu a reforma da Previdência (Foto: Reprodução/NBR)

Presidente Michel Temer durante pronunciamento de Natal, quando defendeu a reforma da Previdência (Foto: Reprodução/NBR)

O presidente Michel Temer (PMDB), aposentado como procurador do estado de São Paulo, ficou sem receber aposentadoria nos meses de novembro e dezembro, segundo informou a São Paulo Previdência (SPPrev), autarquia que administra aposentadorias e pensões de servidores do estado.

De acordo com a SPPrev, a aposentadoria deixou se ser efetuada nesses dois meses devido à falta de "prova de vida", um recadastramento que o presidente deveria ter realizado em setembro, mês em que ele comemora aniversário. A falta da aposentadoria não afetou a remuneração que Temer recebe como presidente.

“Anual e obrigatório, [o recadastramento] é um procedimento de prova de vida, que deve ser realizado sempre no mês de aniversário do beneficiário”, diz a nota da SPPrev.

O Palácio do Planalto informou, também por meio de nota, que "tão logo tomou conhecimento, o presidente adotou medidas para o recadastramento".

Segundo o Portal da Transparência do estado, a aposentadoria mensal bruta de Temer em outubro, último mês de 2017 que ele recebeu o benefício, foi de R$ 45.055,99. Com abatimentos como impostos e para não alcançar o teto do funcionalismo público, o valor líquido que o presidente recebeu de aposentadoria foi de R$ 22.109,94 em outubro.

Ainda segundo a SPPrevi, a situação da aposentadoria de Temer "já está sendo regularizada”. De acordo com a autarquia, não houve alteração no valor, que permanecerá a mesma registrada em outubro. O órgão não explicou se os valores de outubro e novembro serão repostos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário