RD25NOTÍCIAS

Total de visualizações ao site

Família acusa hospital por morte de mãe e filha em parto

Mãe e filha morreram em um parto no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, na Baixada Fluminense. Bruna Constâncio, de 26 anos, teve uma gravidez de risco, com hipertensão e diabetes gestacional. Na semana passada, ela foi internada às pressas e obrigada a fazer parto normal.  Segundo a irmã da vítima, Letícia Freitas, o bebê não resisitiu e os médicos fizeram uma cesariana. Ainda de acordo com ela, a mãe perdeu muito sangue. Para a obstetra Ivone Fernandes, o parto não deveria ter sido normal. A família afirmou que as duas morreram por negligência médica.




Nenhum comentário:

Postar um comentário