sábado, 9 de setembro de 2017

Rafael Silva, de 29 anos, sumiu perto do posto 11. Buscas foram feitas durante toda a tarde de sexta-feira (8), mas suspensas à noite.

PM  desaparece enquanto nadava no Recreio

CONTEÚDO:G1/GLOBO

Foram retomadas na manhã deste sábado (9) as buscas pelo policial militar Rafael G. da Silva, de 29 anos, que desapareceu enquanto nadava na Praia do Recreio, Zona Oeste do Rio.

Rafael, que é lotado no 41º BPM (Irajá) estava de folga e nadava próximo ao posto 11. Ele sumiu na tarde desta sexta-feira (8).

O Corpo de Bombeiros fez buscas no local até o anoitecer, mas teve que interromper a operação. Parentes dele acompanharam as buscas.

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Forte terremoto sacode costa sul do México, deixa 15 mortos e gera alerta de tsunami na América Central

USGS registrou tremor de magnitude 8,1. Há alerta de tsunami para 8 países: México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Honduras e Equador.

CONTEÚDO: G1/ GLOBO

Pessoas se reúnem em uma rua no centro da Cidade do México após terremoto (Foto: Pedro Pardo / AFP Photo)

Forte terremoto de magnitude 8,1 atingiu a costa sul do México no final da noite desta quinta-feira (7), informou o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês), que registra sismos em todo o mundo. Chegam a 15 o número de mortes confirmadas nos estados de Chiapas e Tabasco.

O Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico emitiu alerta de possíveis ondas gigantes de até 4 metros de altura para México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Honduras e Equador.

O sismo sacudiu quase todo o México e foi sentido em vários países da América Central.

Pessoas nas ruas da Cidade do México (Foto: Edgard Garrido / Reuters )

Mortes

Ao menos três pessoas morreram no estado mexicano de Chiapas, informou o governador Manuel Velasco, todas soterradas dentro de uma casa na cidade de San Cristóbal. Ele também pediu aos moradores da região costeiras que deixem suas casas ante o risco de tsunami.

O governador de Tabasco, Arturo Núñez, reportou a morte de dois menores de idade.

O governador de Oaxaca, Alejandro Murat, afirmou que tremor deixou feridos em um hotel de Istmo de Tehuantepec.

A agência de proteção civil do México informou que o terremoto foi o mais forte a atingir o país desde o devastador tremor de 1985 que derrubou edifícios e matou milhares.

quinta-feira, 7 de setembro de 2017

Dinheiro era depositado nos partidos, entregue em malas, diz Palocci em depoimento

Ex-ministro foi questionado por procurador durante a audiência em processo da Operação Lava Jato.

CONTEÚDO: G1/GLOBO


Palocci presta depoimento ao juiz Sergio Moro (Foto: Reprodução)

O ex-ministro Antônio Palocci afirmou ao juiz Sérgio Moro que sabia de entregas de dinheiro de empresas feitas em malas a partidos. A fala foi dita quando um dos procuradores presentes na audiência de quarta-feira (6) o questionou sobre uma possível mudança de versões do depoimento prestado em outro processo da Operação Lava Jato, em abril deste ano.

Conforme o procurador Antônio Carlos Welter, no primeiro depoimento, o ex-ministro disse que nunca tinha tratado de propinas ao PT com empresários.

Palocci respondeu dizendo que nunca tinha feito a operação dos pagamentos, apenas pedia as doações aos empresários. Segundo ele, normalmente eram os tesoureiros do PT que cuidavam desses detalhes.

"Não, eu nunca operei. Eu disse naquela oportunidade que nunca operei doações, continuo a dizer, nunca operei doações, nunca fui buscar dinheiro em empresas. Mas sabia que o dinheiro era depositado nos partidos, entrega em malas... Eu não fiz essa operação", afirmou.


O procurador insistiu que a frase de Palocci em abril era "Eu nunca tratei de propina". No novo depoimento, o ex-ministro disse que tinha trocado as palavras, mas que mantinha o que tinha falado da primeira vez.

"Pode ser que eu não esteja falando exatamente a mesma palavra, mas eu digo, eu disse digo hoje eu nunca cheguei para uma empresa e falei 'o senhor pode pagar no exterior tal pessoa'. Não me cabia discutir como a empresa ia pagar. Mas eu várias vezes pedi para a empresa 'o senhor pode fazer doação de 50 milhões para campanha do presidente tal, da presidente tal'”, afirmou.

Ele explicou que depois de pedir o dinheiro cabia aos tesoureiros o trabalho de mexer com a operação do dinheiro, definindo se os repasses entrariam como doações oficiais ou por caixa dois, no exterior ou em dinheiro e assim por diante.

Ainda de acordo com o ex-ministro, na campanha de 2014, com o aumento da fiscalização sobre caixa dois nas candidaturas, a maior parte dos recursos foram declarados oficialmente. Mesmo assim, isso não reduziu as irregularidades.

"A campanha de 2014 teve duas características: foi a campanha que mais teve caixa um, e foi uma das campanhas que teve mais ilicitudes. Por que? Porque o crime se sofisticou no campo eleitoral. As pessoas viram que o problema é o caixa dois, então transforma, vão transformando progressivamente tudo em caixa um. Só que a ilicitude está fora do pagamento, a origem criminosa dos valores", afirmou.


terça-feira, 5 de setembro de 2017

Compra de votos pode ter chegado a R$ 1 Milhão e meio por voto.

Lava Jato apura suspeita de compra de voto para escolha do Rio como sede da Olimpíada de 2016

Há mandado de busca contra Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro, e de prisão contra empresário conhecido como 'Rei Arthur'.

Atriz e cantora Rogéria morre aos 74 anos

Corpo de Rogéria é velado nesta terça-feira

Atriz será velada a partir das 11h desta terça (5), no Teatro João Caetano, no Centro. Às 13h, velório será aberto para o público.

CONTEÚDO: GLOBO

O corpo da atriz Rogéria, de 74 anos, será velado a partir das 11h desta terça (5), no Teatro João Caetano, no Centro do Rio. Nos primeiros momentos, o velório será fechado apenas para pessoas próximas e da família. De 13h às 18h, será aberto ao público. O enterro será na quarta (6), na cidade de Cantagalo, na Região Serrana do Rio de Janeiro, onde ela nasceu.

Rogéria morreu na noite de segunda-feira (4), vítima de choque séptico. O corpo foi liberado do Hospital Unimed-Rio, onde ela estava internada, no fim da madrugada. De acordo com a unidade hospitalar, ela estava internada desde 8 de agosto devido a um quadro de infecção urinária.


A atriz Rogéria (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Em 25 de agosto, a atriz chegou a receber alta da Unidade de Tratamento Intensivo do hospital (UTI) e foi levada para o quarto. Em julho, a atriz tinha sido internada por duas semanas em uma clínica em Laranjeiras, por conta de uma infecção generalizada. O seu quadro havia piorado depois de uma crise convulsiva.

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Triste noticia: Menino baleado na cabeça em arrastão na Baixada tem morte cerebral, diz polícia


O estado de saúde de Renan é gravíssimo Foto: Facebook/Reprodução

CONTEÚDO: EXTRA/Globo

O menino Renan dos Santos Macedo, de 8 anos, baleado na cabeça na noite de domingo, quando seu pai tentou fugir de um arrastão em Duque de Caxias,na Baixada Fluminense, teve morte cerebral na manhã desta segunda-feira, informou a Polícia Civil. Desde que foi internada no Hospital Adão Pereira Nunes, em Saracuruna, a criança teve várias paradas cardíacas, e médicos vinham dizendo que cada segundo de vida dela era um milagre. Após horas em estado grave, Renan teve a morte cerebral constatada.

Segundo o delegado Sérgio Caldas, diretor do Departamento Geral de Polícia da Baixada Fluminense (DGPB), a informação foi repassada informalmente pelo hospital para a 60ª DP (Campos Elíseos). A unidade avisou ao DGPB, que por sua vez, determinou que a Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense ( DHBF) assuma as investigações do caso.

Segundo a Polícia Militar, o pai do garoto viu homens armados fechando a Avenida Gomes Freire, próximo à favela do Retão, em Duque de Caxias, para roubar os motoristas. Ao tentar manobrar o carro para fugir, os criminosos atiraram contra o veículo. Um dos tiros atingiu a cabeça da criança, que estava no banco traseiro do carro e foi levado às pressas ao hospital.

Família confirma morte cerebral

Apesar de ainda ter esperanças na recuperação, a família de Renan confirmou no final dessa tarde que o menino teve morte cerebral.

— A família ainda está conversando com os médicos para decidir sobre a doação de órgãos — disse Alberto Macedo, primo do menino Renan.

Antes de conversar com a equipe médica, Nilton Siqueira Macedo, pai de Renan, relembrou o momento em que a criança foi baleada pelos criminosos:

— Eu estava chegando perto do carro em que eles estavam assaltando. Eu vi os assaltantes e pensei "vou retornar". Nisso, não consegui retornar de uma vez só. Fui e voltei algumas vezes e começaram a balear o carro.

Menino baleado na cabeça em arrastão no RJ está em estado gravíssimo

RIO DE JANEIRO


CONTEÚDO: G1/Globo

Boletim médico foi divulgado pelo Hospital Estadual Adão Pereira Nunes na manhã desta segunda-feira (4). Menino teve 5 paradas cardíacas.


Carro do pai do menino foi atingido por tiro (Foto: Reprodução/ TV Globo)Carro do pai do menino foi atingido por tiro (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Carro do pai do menino foi atingido por tiro (Foto: Reprodução/ TV Globo

O menino de oito anos que foi baleado na cabeça durante um arrastão em Gramacho, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, apresenta estado de saúde gravíssimo. O boletim médico foi divulgado na manhã desta segunda-feira (4).

Desde que foi internado no Hospital Estadual Adão Pereira Nunes, o menino teve cinco paradas cardíacas e está em observação. De acordo com o irmão da criança, que conversou com o Bom Dia Rio, os médicos aguardam a reação do corpo da criança.

A criança estava no banco de trás do carro do pai. O veículo passava pela Avenida Gomes Freire, em Gramacho, quando começou um arrastão. O pai viu a movimentação dos criminosos e tentou fugir. Os bandidos perceberam e atiraram contra o carro. Vendo o filho ser atingido, o pai correu com o automóvel até o hospital, onde a criança foi internada.

Pelo menos cinco disparos atingiram o carro onde o pai e a criança estavam. Ele levava o menino para a casa da mãe.

“Ele está lutando pela vida. Os médicos falaram agora que, infelizmente, ele não está tendo uma reação nem a dor e nem a nada que eles estão fazendo”, explicou Leonardo dos Santos Macedo, irmão da criança.

A bala ficou alojada na cabeça do menino. A Polícia Militar busca os criminosos.

“A família está toda arrasada. Todo mundo está a base de calmantes. Em um trajeto que o meu pai faz praticamente todo dia, mas infelizmente não tem segurança em lugar nenhum, tá bem complicado”, lamentou Leonardo.

domingo, 3 de setembro de 2017

Homem arrastou pintor por 2 km; Justiça permitiu que atropelador aguarde inquérito em liberdade

Justiça decide deixar solto homem que atropelou e arrastou ciclista em SP, diz delegado

Homem arrastou pintor por 2 km; Justiça permitiu que atropelador aguarde inquérito em liberdade por conta da idade dele, da ausência de antecedentes e por ele ter se apresentado espontaneamente.

CONTEÚDO:G1/GLOBO

Polícia apreendeu carro e procura o motorista (no detalhe), que está foragido (Foto: TV Globo/Reprodução)

A Justiça decidiu, na tarde deste domingo (3), deixar solto o homem de 61 anos que na última quarta-feira (30) atropelou e arrastou um ciclista por dois quilômetros em Osasco, na Grande São Paulo.

Mario Prestes Neto se entregou a polícia nesta manhã, quatro dias após o acidente. Ele tinha sido denunciado pela própria filha, dona do carro que Neto dirigia quando atropelou o pintor Gilmar Barbosa da Mata, de 45 anos.

De acordo com o delegado Fernando Terzidis, do 91º Distrito Policial (DP), onde Neto se entregou, a Justiça permitiu que o homem aguarde o inquérito em liberdade por conta da idade dele, da ausência de antecedentes e por ele ter se apresentado espontaneamente.

O delegado disse que a liberdade dele não traz prejuízo para as investigações, pois ainda haverá perícia e outras testemunhas. O laudo do Instituto Médico Legal vai dizer se o pintor atropelado morreu na hora ou não. O delegado disse, ainda, que o motorista dirigindo em velocidade compatível, e que o senhor apareceu repentinamente empurrando a bicicleta.

Filha avisou polícia após encontro com o pai

Na noite de sexta-feira (2), policiais estiveram na casa da namorada de Mario, mas não ele não tinha sido localizado. O carro foi apreendido na tarde de quinta-feira (31) em Itapevi, cidade vizinha à Osasco, na Grande São Paulo, após a denúncia da filha de Mario.

No dia do atropelamento, Mario chegou à casa da filha dizendo que sofreu uma tentativa de assalto e que atropelou o ladrão. A filha tinha acompanhado as notícias da morte do ciclista, e o pai dela acabou confessando que foi ele quem atropelou o pintor. Segundo a família, Mario aparentava sinais de embriaguez. Depois que ele saiu de casa, a filha chamou a polícia.