ao vivo rede caxias tv

Total de visualizações de página

segunda-feira, 10 de julho de 2017

Ex-governador Sérgio Cabral admite Caixa 2, mas nega propina em depoimento à Justiça Federal no RJ

Depoimentos são referentes às acusações que motivaram a operação Mascate. 'Que 5% era uma coisa que vigia no governo Sérgio Cabral, que maluquice é essa?', diz Cabral.

FONTE:G1/GLOBO

Ex-governador Sérgio Cabral admite que recebia dinheiro de caixa 2, em depoimento

O ex-governador do Rio Sérgio Cabral prestou depoimento à 7ª Vara Federal Criminal nesta segunda-feira (10) e, pela primeira vez, respondeu às perguntas feitas pelo juiz Marcelo Bretas - até então, Cabral só atendia aos próprios advogados. Ele voltou a admitir o caixa dois e negar vantagens indevidas, dizendo que os 5% de propina pedidos em grandes obras, como acusam delatores, é "maluquice".

Aparentando tranquilidade, o ex-governador e o magistrado só tiveram um momento de discussão mais dura. Bretas quis saber como as doações extraoficiais não significariam contrapartidas às empresas beneficiadas se o governador era, em alguns casos, até mesmo amigo dos empresários. Cabral respondeu que a relação é semelhante a de juízes com amigos advogados.

O ex-governador respondeu que, enquanto esteve no cargo, não houve "toma lá, dá cá".

"Basta o governante discernir e separar um assunto do outro e isso eu fiz, posso garantir à Vossa Excelência e ao Ministério Público Federal. Nunca houve uma contrapartida, seja para empresário A, B ou C por ter me dado recursos (...) oficialmente ou em caixa dois, com temas abordados enquanto governante. Nunca houve propina. Nunca houve propina. Houve apoio", disse ele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

MORRE WALDYR SANT´ANNA, ATOR DE NOVELAS E O PRIMEIRO DUBLADOR DE HOMER SIMPSON Artista tinha 81 anos e morreu na manhã deste sábad...

DESTAQUES