segunda-feira, 26 de junho de 2017

MP-GO denuncia mãe e padrasto por matar menino asfixiado, em Goiânia

Justiça já recebeu denúncia, que pode ser aceita ou não pelo juiz responsável. Conforme Ministério Público, casal responde por homicídio, ocultação de cadáver e falsa comunicação de crime.

 

Mãe e padrasto são denunciados por matar menino enforcado (Foto: Reprodução/TV Anhangura)

FONTE:G1/GLOBO

O Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) denunciou o casal Jeannie da Silva de Oliveira e Renato Carvalho Lima pela morte do menino Antônyo Jorge Ferreira da Silva, de 9 anos, filho da denunciada e enteado do denunciado, em Goiânia. O Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO) confirmou que o documento já chegou ao órgão, mas ainda deve ser apreciado pelo juiz, que pode ou não aceitar a denúncia.

Conforme o documento emitido pelo MP-GO no último dia 6 de junho, o casal é denunciado pelos crimes de homicídio, ocultação de cadáver e comunicação falsa de crime. Segundo o órgão, a mulher pediu ao companheiro que matasse o menino.

Também conforme a denúncia, o homem matou o menino asfixiado e escondeu o cadáver da vítima em um matagal. O documento relata ainda que o casal comunicou à Polícia Civil que o menino havia sido sequestrado por causa de uma dívida do padrasto. O casal está detido por prisão preventiva.

A advogada da mãe da criança, Rosângela Borges Freitas Feliciano, disse que já pediu a soltura da cliente, que ainda será analisada pela Justiça. A defensora afirma que a mulher não sabia do crime, acreditava que o filho havia sido sequestrado e até fez um empréstimo para negociar com os supostos sequestradores

Nenhum comentário:

Postar um comentário